Psicologia Transpessoal Aplicada no Consultório

por Mariana Cepeda Paes de Oliveira

A psicologia Transpessoal foi fundada por Abrahan Maslow, em 1967, com o objetivo de estudar os estados conscientes de uma forma geral, atentando-se para o estado alterado de consciência e os fenômenos, de qualquer tipo, com eles relacionados, entre eles, a psicofisiologia.Esses estudos, aplicados na psicologia clínica, servem como métodos para os psicólogos tratarem das demandas dos seus pacientes, focando o bem estar do ser humano biopsico-emocional-social-cultural-espiritual.

Nota-se que uma das demandas observadas nos consultórios clínicos é o stress, um resultado psicofisiológico que compreende uma reação que o nosso organismo tem quando estimulado por fatores externos desfavoráveis. Essa reação pode ser tratada com os mecanismos da Psicologia Transpessoal, entre eles, o relaxamento científico, que veremos a seguir.

A linha psicológica Transpessoal surgiu após o desenvolvimento de três escolas clássicas: a Psicanálise, de Freud, com a descoberta do inconsciente, postulando o determinismo psíquico; o Behaviorismo que estudou o comportamento humano através do comportamento animal, postulando um determinismo reflexológico; e por fim, a terceira escola psicológica chamada Humanismo que se enfatizou na abordagem centrada na pessoa, baseada nas escolas filosóficas da Fenomenologia e Existencialismo.

Dessa maneira, a abordagem Transpessoal, quarta força, integrou as três escolas acima citadas, complementando- as, e inovou ao estudar a transcendência do limite físico do corpo humano, tendo em vista que o considera como um composto de corpo, psique e espírito.

Nesse contexto, essa nova escola psicológica pretende o bem estar do ser humano bio-psico-emocional-social-cultural-espiritual, como já vimos, de acordo com o processo evolutivo da pessoa, utilizando a capacidade do ser humano de alterar os estados da consciência, para alcançar uma dimensão diferente da normal (vigília) chamada comumente de consciente.

Transportando essa teoria para a prática da psicologia clínica (consultório), durante as sessões, podemos utilizar técnicas de relaxamento e atividades psicodinâmicas, ambas utilizadas pela Transpessoal, para se chegar a esse estado alterado de consciência, já citado acima, como, também, para diminuir, por exemplo, o stress do cotidiano.

Assim, essas técnicas, já mencionadas, baseiam-se em sugestões iniciais de relaxamentos para o corpo de forma geral, com o objetivo primeiro, de diminuir a sensação de stress que o paciente já apresentava. Aos poucos, as sugestões tornam-se específicas e aprofundadas, fazendo com que o paciente volte a vivenciar as situações que lhe causaram o stress, reconsiderando, dessa maneira, sua queixa inicial de uma forma diferenciada.

Entretanto, é importante ressaltar a existência também de atividades psicodinâmicas que se utiliza, entre outras técnicas, do desenvolvimento dos cinco sentidos de uma forma sincronizada, fazendo com que o paciente conheça-se melhor, sendo, portanto, preparado para o enfretamento das relações bio-psico-emocional-social-cultural-espiritual.

Portanto, conclui-se que a Psicologia Transpessoal aplicada no consultório, é um método diferenciado e eficaz, principalmente para a demanda dos dias atuais, e ressalta-se, por fim, que há outras atividades que não serão exploradas nesse texto tendo em vista a tamanha complexidade do assunto.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *